SXSW por Adriana Marto

Uma das melhores opções para fugir do tradicional circuito de festivais, o South by Southwest é um evento cultural que todos os anos toma conta das ruas de Austin, no Texas. A música é um dos DNAs do SXSW com estilos de diversos países para todos os gostos – pense em rock, indie, pop, punk, folk, heavy metal, country, hip hop e muito mais.

Mas o grande twist do evento é não se limitar à ela, já que há 30 anos o SXSW vem anunciando grandes acontecimentos na indústria da tecnologia, do cinema e tudo o que está relacionado à inovação. Para explicar melhor o que acontece por lá, batemos um papo rápido com Adriana Marto, artista visual que há alguns temporadas já tem o South by como compromisso obrigatório em sua agenda. “Sempre fui por conta e há uns 3 anos comecei a ir para cobrir para meus clientes, marcas patrocinadoras”, ela conta.

sxsw adriana marto

Mas o que é o SXSW? Adriana nos explicou que o South by Southwest, ou apenas South By, surgiu como um festival de música em 1987, mas não demorou muito para que o evento se ampliasse para áreas que estão em constante evolução, como tecnologia, internet e cinema. “O SXSW é o festival que gera os outros festivais! Nele o melhor do cinema, arte, tecnologia e música é apresentado para o mundo. Falando em inovação e tendências, digamos que é a grande ‘mãe’ que dita o que vai ser bom e referência meses depois”.

sxsw adriana marto

O SXSW sempre acontece em meados de março em Austin, no Texas, e atrai visitantes do mundo inteiro. Mais que um festival, ele é um acontecimento que reúne pessoas interessadas em filmes, mídias interativas, conferências e, claro, música. A cada ano que passa o festival cresce tanto em âmbito como em tamanho, como exemplificou Adriana. “Em 2017 a conferência durou 10 dias, com interação SXSW com duração de cinco dias, música por sete dias e filmes em simultâneo durante nove dias”.

sxsw adriana marto

A experiência do SXSW é organizada em três grandes núcleos – interatividade, música e cinema – e oferece muitas possibilidades. A dica da Adriana para aproveitar ao máximo as atrações e palestras é comprar um pacote, que pode ser montado de acordo com as suas preferências no site oficial do evento, mas também é possível escolher apenas umas das badges. Outra dica de insider para quem está pensando em se aventurar no próximo ano é consultar o app oficial do SXSW, que organiza tudo o que acontece por lá e ainda oferece a possibilidade de, literalmente, usar alarmes, lembretes para que os visitantes não se percam entre uma atração e outra.

E quer saber quais foram os highlights da edição deste ano na opinião de quem esteve lá?

“Tecnologia da NASA e o novo ponto da arte na internet me chocaram, a realidade aumentada na arte vai criar um novo aspecto no mundo dos colecionadores e do próprio público!”.

Como tudo acontece ao mesmo tempo no SXSW, FOMO (fear of missing out) é uma expressão bastante comum quando se pensa no festival. Para não correr o risco de sentir que está perdendo algo interessante, ou confiar nas atrações que você escolher assistir, Adriana tem uma sugestão: “Eu gosto de viver à deriva, foco em uma ou no máximo duas coisas que quero ver no dia. De resto, vou vivendo o que vai passando por mim, o que me chamam ou acabo descobrindo sem querer”.

sxsw adriana marto

Parece difícil explicar em palavras essa experiência imersiva e complexa que é o SXSW. Mas se você tiver curiosidade de descobrir mais sobre o evento, nossa sugestão é se aventurar pelo site oficial do South By. Quem sabe ele também não entre para sua lista de festivais favoritos?

Fotos: arquivo pessoal/Adriana Marto

Share on FacebookPin on PinterestTweet about this on TwitterEmail this to someone

COMENTÁRIOS